Neto Restaurante, o italiano de alma brasileira do Four Seasons SP

Italiano de alma brasileira. Essa é a melhor definição para o Neto Restaurante, do Four Seasons Hotel São Paulo Nações Unidas, que inaugura segunda-feira, 15, na capital paulista. Leia tudo sobre o hotel aqui.

O Neto Restaurante é comandado pelo chef-executivo do hotel Paolo Lavezzini, de Parma, na região da Emilia Romagna, Itália. Há cinco meses em São Paulo, atuando nos bastidores do novíssimo projeto, o italiano vem de uma experiência de seis anos à frente da cozinha do Fasano Rio de Janeiro. Antes, trabalhou na renomada Enoteca Pinchiorri, em Florença; no Restaurant Alain Ducasse, no Hotel Plaza Athénée de Paris; dentre outros restaurantes.

Do cardápio à arquitetura, o Neto Restaurante visa homenagear os descendentes de italianos, primordiais para a história e o desenvolvimento de São Paulo. Como o nome sugere, a ideia é servir criações que traduzam as memórias afetivas dos netos brasileiros das “nonnas” que vieram para o Brasil no início do século passado.

Criado por Lavezzini, o menu valoriza ingredientes artesanais brasileiros. Ou seja, prioriza a matéria-prima nacional como o azeite, as castanhas, a manteiga, o presunto, os peixes, dentre tantas outras iguarias brasileiras elaboradoras por produtores de menor porte e de maneira artesanal. Um exemplo é o queijo de cabra da Capril do Bosque.

A beleza da cozinha de Lavezzini, toda aberta para quem quiser assistir o espetáculo da transformação dos alimentos, é que as receitas são baseadas na gastronomia italiana. O que chef e hotel definem como italian by heart, brazilian by soil (italiano de coração, brasileiro pela terra, pelo solo).

Four Seasons
Prejereba grelhada com limão, brócolis, alho fermentado e ricota de amêndoas – foto Tadeu Brunelli

PRAZERICES participou de um preview dinner no Neto Restaurante na terça-feira. Na entrada, destaque para os Lagostins acompanhados de couve-flor, pistache siciliano, lardo de Colonnata e tucupi (R$ 60). Criação que surpreendeu pela irreverência e sabor.

Entre os pratos principais, inevitável não citar o perfumado Agnolotti de cordeiro, crème de bufala e cogumelos porcini (R$80); o Ancho Dry Aged assado diretamente no fogo e acompanhado de chicória salteada na manteiga de castanha do pará e arroz cateto crocante (R$130); e o Tagliolini feito com farinha artesanal de feijão preto, azeite infusionado com alho, pimenta de bode, couve manteiga e bottarga ralada (R$ 75).

Four Seasons
Fregola com polvo, criação potente do chef Paolo Lavezzini

O Neto Restaurante também elaborou alguns pratos para compartilhar, o que combina bem com algumas mesas grandes centrais, perfeitas para reunir família e amigos na hora da refeição. Dentre os pratos, o cremoso Risotto Acquerello ao tomate doce, manjericão e queijo de cabra (R$ 100); e o Peixe inteiro ao forno com legumes da estação e perfumes da horta (R$ 200).

Como bem demonstrou no preview dinner, Lavezzini sabe aproveitar muito bem as iguarias brasileiras em criações deliciosas como a Prejereba grelhada com limão, brócolis, alho fermentado e ricota de amêndoas; a Fregola sarda com polvo; e o irresistível Agnolotti de cordeiro brasileiro, creme de queijo de búfala e cogumelos porcini.

O braço direito do chef italiano é David Kasparian, um paulistano do Imirim, de origem armênia, que vem de outras cozinhas italianas como a do extinto Italy e do Piselli. Comida saborosa e criativa sem ser inacessível. Tem tudo para fazer sucesso.

O clássico Tiramisú, doce presença no menu do Neto Restaurante

Para a sobremesa, o chef Thiago Silva, que vem do Tivoli SP, elaborou doces receitas como a panna cotta de coco, cupuaçu e biscoito de banana nanica; bombolone recheado de crème confeteiro ao cumaru e calda de maracujá; e, claro, o clássico tiramisú.

Durante a semana, importante ressaltar, há ainda um menu executivo por R$ 75.

DÉCOR

O design do espaço, assinado pelo escritório EDG, também valoriza itens nacionais: um grande painel em azulejo artesanal atrai os olhos ao adentrar o espaço. O mobiliário é assinado por Aristeu Pires, em couro natural, enquanto o piso segato remete ao piso granilite que foi usado em edifícios icônicos da cidade, como Edifício Itália e Copan.

Há uma sala privativa, que atende pequenos grupos de até 10 pessoas.


NETO RESTAURANTE
Av. das Nações Unidas, 14401
Horário de funcionamento:
Segunda-feira a quinta-feira – 12h às 15h e 19h às 23h
Sexta-feira – 12h às 15h e 19h às 24h
Sábado – 13h às 16h e 19h às 24h
Domingo – 13h às 16h e 19h às 23
Capacidade: 166 lugares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para a barra de ferramentas